Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Cachimbo de Água

Blog de Francisco Luís Fontinha; poeta, escritor, pintor...

Cachimbo de Água

Blog de Francisco Luís Fontinha; poeta, escritor, pintor...


05.08.23

20230805_194422.jpg

Cada folha que te escrevo

É uma página enganada

Que percebo

Com o levantar da aurora boreal

Em cada folha que te escrevo

É uma nova madrugada

Deste diário infernal

Cada folha que te escrevo

Poisa o sol nas folhas caducas do silêncio

Que desce por esta parede

E se esconde na minha mão.

 

Cada folha que te escrevo

É um rio sem nome

Em direcção ao mar

De cada linha

Desta folha

Oiço os apitos do comboio com destino a Santa Apolónia…

Em cada folha

A minha mão rasurada

Por uma esferográfica

E o rio morre

Como eu

Morro

Sabendo que cada folha que te escrevo

É uma janela com fotografia para o mar.

 

 

 

 

05/08/2023


05.08.23

Preso, neste edifício de cátedras,

Liberto, desta equação de insónia,

Morto, neste silêncio de luz,

Preso, nas tuas mãos,

Acordado, depois de cair a noite,

Depois…

Ergo-me,

E mato-me nos teus olhos.

 

Preso, às negras sombras do teu cabelo,

Medronho, pequena flor em papel,

Morto, dentro desta invisível caixa de sono,

Que me liberta,

Liberto, das pedras cinzentas onde me sentava,

Quando preso,

Preso, e sem asas,

Afundo-me,

E morro.

 

 

05/08/2023


05.08.23

20230805_100846.jpg

Desenho nos teus lábios o sono

Enquanto tenho a perfeita consciência

Que este

É apenas o silêncio de uma flor

Nas mãos de um rio,

Lindo e curvilíneo,

 

Desenho nos teus lábios de sono

A inocência da noite

Quando depois de se despedir do dia

Um poema

Uma cama em poesia

Levita e voa em direcção à morte,

 

Desenho nos teus lábios de sono

As quatro pedras da tristeza

Na palavra amarga

Bela

Da palavra que se inventa

E brinca

Na palavra que nunca lamenta

Que o sono que desenho nos teus lábios

Seja um pedacinho de pimenta

Ou apenas… o sol entre palavras.

 

 

 

05/08/2023

Pág. 5/5

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Em destaque no SAPO Blogs
pub